Médico acusado da morte de Michael Jackson não terá que pagar indenização à família do cantor


O médico Conrad Murray, condenado pela morte do cantor Michael Jackson, não terá mais que pagar indenização à família do cantor. Em audiência realizada (dia 19), o pedido de pagamento foi retirado após uma conferência realizada com os pais de Michael e advogados. A decisão foi tomada alguns dias antes de outra audiência, marcada para determinar a quantia exata que o cardiologista teria que desembolsar.

O procurador distrital David Walgren disse ao juiz encarregado do caso que ele estava retirando o pedido de restituição depois de falar com a mãe de Jackson, Katherine, e o advogado de seu pai, Joseph.

Conrad continua em prisão depois de ter sido condenado a quatro anos em novembro por homicídio culposo, apesar de que irá ficar apenas dois anos na cadeia devido a superlotação das penitenciárias da Califórnia.

Fonte: 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s