Paris Jackson faz topless para revelar nova tatuagem

A filha de Michael Jackson volta a mostrar o seu lado mais ousado e irreverente.

Paris Jackson surpreendeu os fãs ao mostrar, através das redes sociais, que fez uma nova tatuagem. A imagem escolhida, uma ilustração dos sete chakras, vai desde o centro do peito até perto do umbigo da jovem, o que levou a filha de Michael Jackson a ficar em topless para exibir o resultado final deste trabalho com os seus seguidores.

Fã de tatuagens e adepta de um estilo de vida centrado no movimento New Age, Paris Jackson tem várias ilustrações no corpo relacionadas com temas espirituais ou da natureza.

 

Fonte: Caras

avatarAdrianaFlower7

p78.png

 

Anúncios

Versão 3D de “Thriller”, de Michael Jackson, é apresentada no Festival de Veneza

Clipe dirigido por John Landis é acompanhado de um “making of” realizado em 1983

Formato e estética de “Thriller” marcaram um ponto de virada na história da música pop

 

A neblina que envolve o cemitério, os mortos-vivos que saem das sepulturas, e o riso diabólico… “The Thriller”, de Michael Jackson, foi ressuscitado no Festival de Cinema de Veneza por seu diretor John Landis, que veio apresentar uma versão 3D deste clipe cultuado. “Michael e eu sempre tivemos a intenção de mostrar isso no cinema”, explicou Landis à imprensa antes da projeção desta nova versão do clipe que produziu em 1983, a pedido do astro.

Mais do que um clipe, trata-se de um curta-metragem de 14 minutos, cujo formato e estética marcaram um ponto de virada na história da música pop. O título “Thriller” deu nome a um álbum de sucesso planetário. O diretor de 67 anos conseguiu, graças à tecnologia, remixar o som e tornar a antiga gravação compatível com o 3D. “Quando você assiste (ao clipe) no YouTube, você não vê como deveria aparecer. Agora, sim, você poder ver como Michael e eu queríamos que fosse visto”, assegurou.

O filme, que retrata Michael Jackson, então no auge de sua carreira, transformando-se em um lobisomem, é acompanhado por um “making of” realizado em 1983, mas que nunca foi exibido no cinema. O astro morreu aos 50 anos de idade em 2009, uma “tragédia para seus filhos, seus amigos, para o mundo inteiro”, recorda John Landis, que, no entanto, havia entrado com um processo contra o cantor pouco antes de sua morte. Um acordo foi alcançado em 2012 com os herdeiros de Michael Jackson.

Monstro em duas patas

O clipe de “Thriller” surgiu após Michael Jackson entrar em contato com John Landis após ter assistido a seu filme “Um Lobisomem Americano em Londres” e explicar a ele que também gostaria de viver esta transformação de um homem em um animal de quatro patas. “Nós percebemos que não funcionaria – como Michael tinha que dançar, era obviamente muito mais fácil ter um ‘monstro’ em duas patas ao invés de quatro”, explica o diretor.

E, de fato, o lobisomem de “Thriller” parece muito mais com o do filme “O Lobisomem Adolescente”, filmado por Gene Fowler Jr em 1957. “Na verdade, Michael não tinha visto muitos filmes de terror, ele os achava muito assustadores”, diz o cineasta, autor de outro filme cultuado, “Os Irmãos Cara de Pau”. “Tratava-se de fazer um videoclipe muito autocentrado, com a transformação de Michael em ‘monstro’, mas tudo funcionou muito bem, fiquei extremamente surpreso”, acrescentou.

Michael Jackson vivia um período feliz, alguns anos depois de ter rompido com sua família. “Ele vinha em minha casa e assistíamos desenhos animados até as quatro da manhã”, conta. As coisas mudaram oito anos depois, quando John Landis fez o clipe para o álbum “Black and White”.

“Para ‘Thriller’, ele estava feliz em me deixar trabalhar, para ‘Black and White’ eu estava trabalhando para Michael, ele estava muito mais reservado”, explica. Na época, Michael Jackson podia reivindicar o título do homem mais famoso do planeta, mas John Landis assegurou não invejar o lado bastante “estranho” da celebridade. “Havia algo infantil em Michael, mas ele não era pueril. Ele nunca teve uma infância, então por isso queria tanto viver uma, ainda que adulto”, explica o diretor.

Fonte:

avatarAdrianaFlower7

O tema ‘Love Never Felt So Good’ apresenta o álbum ‘XSCAPE’, que reúne canções inéditas do “rei da pop”

 

O disco reúne oito temas inéditos de Michael Jackson que foram agora trabalhados por mediáticos produtores norte-americanos, como Timbaland, Rodney Jerkins, Jerome ‘J-Roc’ Harmon, Stargate e John McClain.

XSCAPE  foi lançado no dia 12, segunda-feira, em dois formatos. A edição “standard” conta somente com os oito temas inéditos, enquanto que a versão “deluxe” contará com essas mesmas canções, mas nas suas gravações originais, sem a abordagem dos produtores recrutados, bem como uma versão dosingle Love Never Felt So Good em dueto com Justin Timberlake (que a 1 de junho se estreia no Rock in Rio-Lisboa).

O tema que dá título a este disco é a único que foi retrabalhado pelo mesmo produtor, John McClain, que, originalmente, gravou a canção em estúdio com o cantor.

Em comunicado enviado à imprensa pela editora Sony Music, John Branca e John McClain, co-executores do legado de Michael Jackson, afirmaram: “Michael estava sempre na vanguarda e sempre em contacto com novos produtores, à procura de novas sonoridades. Era sempre relevante e actual. Estes temas, de várias formas, captam esse espírito. Agradecemos a L.A. Reid [CEO da Epic Records e curador deste projeto] pela sua visão.”

Fonte: 

avatarAdrianaFlower7

Michael Jackson como você nunca viu antes no BMA 2014

michael-site

Mais um momento marcante na carreira de Michael Jackson está prestes a acontecer. Durante a edição deste ano do Billboard Music Awards, em 18 de maio, em Las Vegas, o rei do pop aparecerá, na forma de um holograma, no palco da premiação. A organização do evento garante que será uma apresentação “como nunca se viu antes”.

A cerimônia promete impulsionar o lançamento do segundo álbum póstumo de Michael, agendado para a próxima terça-feira (13).XSCAPE vai trazer oito faixas, gravadas entre 1983 e 1999. O primeiro single do álbum, “Love Never Felt So Good”, foi lançado na semana passada, junto à versão em dueto com Justin Timberlake. Uma outra canção, intitulada “Chicago”, também chegou na web esta semana.

Outras performances do BMA incluem Miley Cyrus, Ricky Martin, Jennifer Lopez, Pitbull, Claudia Leitte, 5 Seconds Of Summer, Georgia Florida Line, Jason Derulo, Imagine Dragons, Luke Bryan, John Legend, OneRepublic, Miranda Lambert e Carrie Underwood. Os apresentadores serão Jordin Sparks, Kelly Rowland, Pete Wentz e Wiz Khalifa.

No Brasil, a transmissão ao vivo – direto do MGM Grand – fica por conta do canal TNT, a partir das 21h. O tapete vermelho também será transmitido pelo site Yahoo.

Fonte: 

avatarAdrianaFlower7

Condenado pela morte de Michael Jackson, médico deixa cadeia e pode lançar biografia não autorizada do cantor

Dr. Conrad Murray deixa prisão em Los Angeles e quer publicar livro que escreveu sobre Michael Jackson nos últimos dois anos que passou atrás das grades. Ele também negocia um reality show sobre sua vida e pretende voltar a exercer sua profissão

Condenado pela morte de Michael Jackson, médico deixa cadeia e pode lançar biografia não autorizada do cantor

Condenado pela morte de Michael Jackson, médico deixa cadeia e pode lançar biografia não autorizada do cantor

O médico Conrad Murray, condenado por homicídio culposo pela morte de Michael Jackson, após ter administrado uma dose letal de anestésico ao cantor, deixou a prisão de Los Angeles após cumprir metade da pena de quatro anos. Ele foi liberado por conta de uma medida no Estado da Califórnia que tenta reduzir a superlotação das prisões.

Para evitar o encontro com repórteres e fãs de Michael Jackson que o aguardavam no lado de fora da prisão, Murray deixou o local por uma saída alternativa.

De acordo com o TMZ, durante o tempo que ficou atrás das grades, Conrad escreveu um livro sobre a vida de Michael Jackson e os anos que trabalhou com ele. Agora que está livre, ele irá negociar a publicação da biografia não autorizada com alguma editora. Ele também já planeja estrelar um reality show sobre sua vida pós-cadeia.

Com a licença médica suspensa desde 2010, Murray pretende voltar a exercer sua profissão.

+ Michael Jackson é a celebridade morta mais lucrativa do último ano

Murray foi condenado pela morte de Michael após seis semanas de julgamento, em 2011 (o cantor morreu em 2009).  Os promotores argumentaram na época que o médico, contratado pela produtora de shows AEG Live, foi negligente no tratamento dado ao cantor e exagerou na dose do propofol, que era utilizado para ajudar o artista a dormir.

A defesa do médico sempre afirmou que Jackson teria injetado o anestésico sozinho, sem a ajuda de Murray.

No começo de outubro, a produtora AEG Live conseguiu ser absolvida no processo movido pelo espólio do cantor, que acusava a empresa de ter sido negligente pela contratação do médico.

Fonte: CARAS ON LINE

avatarAdrianaFlower7

Bad, disco icônico de Michael Jackson, será relançado

Disco foi o sétimo gravado em estúdio por Michael Jackson –

O álbum está completando 25 anos

O disco Bad, de Michael Jackson, completa 25 anos em 2012. Em comemoração, será lançada uma edição de luxo. O álbum remasterizado também vai contar com faixas-demo e músicas que ficaram de fora da gravação original.

Quem adquirir o box ainda vai poder conferir uma performance do artista, realizada no estádio britânico de Wembley, em 1988. Segundo o jornal inglês The Guardian, até o príncipe Charles e a princesa Diana foram a esse show. Há apenas um registro em vídeo, nunca antes exibido. Ele foi encontrado no acervo pessoal do cantor.

O primeiro single do álbum, I Just Can’t Stop Loving You, será relançado no dia 5 de junho. Já o box Bad 25 chega às lojas no dia 25 de setembro.

Fonte: Divirta-se

O espetáculo Thriller Live, sobre Michael Jackson chega ao Brasil

O MUSICAL CONTA A HISTÓRIA DA CARREIRA DO REI DO POP

O espetáculo Thriller Live, que retrata os principais sucessos de Michael Jackson no palco, chega ao Brasil no segundo semestre deste ano, depois de passar por mais de 20 países. Em cartaz desde 2007 na Europa, o musical conta a história da carreira do Rei do Pop, a partir de performances vocais, efeitos visuais e coreografias brilhantes.

Um amigo pessoal de Michael Jackson é quem dirige o espetáculo, e contará com 16 dançarinos brasileiros, já escolhidos em uma audição com mais de 2.800 inscritos. O musical Thriller Live tem cerca de duas horas e meia de duração e acompanha cronologicamente a vida de Michael, desde a época dos The Jacksons 5.

A previsão é de que o espetáculo seja apresentado em julho no Rio de Janeiro, e em agosto, em São Paulo.

 

Fonte: Portal de Paulinia