Paris Jackson faz terapia com cavalos na reabilitação, diz site

Segundo o ‘Radar online’, a filha de Michael Jackson está em uma escola terapêutica em Utah, nos Estados Unidos.

paris-jackson-new-april-2013-paris-jackson-34336956-500-499

Na escola especial onde está internada em Utah, nos Estados Unidos, Paris Jackson faz equinoterapia. Segundo o site “Radar online”, a técnica que usa cavalos é excelente para ajudar na reabilitação de pacientes. A filha de Michael Jackson está nesta escola desde agosto, quando deixou a clínica onde estava internada após tentar suicídio em julho.

De acordo com o site, Paris sempre gostou de cavalos e costumava conviver com eles quando passava as férias com a mãe biológica, Debbie Rowe, em um rancho na Califórnia.  Uma amiga da família de Paris contou ao site que a terapia tem sido benéfica a jovem, uma vez que ela tem a possibilidade de se relacionar com os tratadores, ajudando-os a cuidarem dos animais. “A terapia com cavalos é uma ótima ideia para Paris. Isso ajuda a manter sua mente ocupada, sem pensar em seus problemas e lhe dá responsabilidade com os animais”, disse a amiga da família de Paris.

A equinoterapia custa por mês U$ 14 mil e segundo uma fonte contou ao “Radar online”, desde que ingressou na escola especial, Paris resolveu se tornar uma nova pessoa. Mudou o nome e passou a se chamar Frankie. “Ela também cortou o cabelo. Alguns alunos sabem quem ela é, mas ignoram o fato. Hoje ela é apenas uma garota de Los Angeles chamada Frankie. É uma nova vida para Paris”.

Relembra a história

Paris Jackson foi levada ao hospital depois de uma tentativa de suicídio no dia 5 de junho. Segundo o site “TMZ”, ela deixou sua casa em Calabasas, na Califórnia, de maca às 2h e foi levada de ambulância para um hospital próximo.

Ainda segundo o site, a chamada para a emergência foi feita às 1h27 e reportava uma possível overdose (escute o aúdio da ligação). No entanto, Debbie Rowe confirmou a tentativa de suicídio ao programa “Entertainment Tonight” e disse que ela foi internada depois de ser admitida no hospital com vários cortes no pulso. Debbie disse ainda que Paris tem tido alguns problemas.

Fontes do Entertainment Tonight próximas aos Jacksons revelaram na ocasião que a tentativa de suicídio aconteceu depois que Paris não teve autorização para ir a um show do cantor Marilyn Manson em Los Angeles. Ela teria se trancado em seu quarto depois de bater a porta. Uma fonte do jornal “NY Daily News” negou a informação: “Ela é bem sociável e tem passado bastante tempo com a mãe e seus animais. Isso é mais do que uma adolescente fazendo malcriação.”

Na época, o advogado de Debbie divulgou um comunicado da família sobre a internação: “Agradecemos a preocupação de todos com Paris e pedimos respeito pela privacidade da família neste momento.”

Uma fonte da revista “Us Weekly” contou na ocasião que Paris sofria de depressão: “Ela tem sérios problemas de depressão e muito por causa da morte do pai. É bem real e muito triste. Ela tem estado bastante deprimida e não consegue dormir à noite. Fica acordada a noite toda”.

Fonte:

avataradrianaflower7

Anúncios

Filho gasta por conta de indenização e irrita Katherine Jackson

Jermaine Jackson contava que a família ganharia ação milionária

imagem_0710131381171571_g

Jermaine Jackson comprou um carro extremamente  caro  enquanto o júri da morte de Michael Jackson estava decidindo se sua família iria ganhar US$ 40 bilhões de indenização. E quem ficou furiosa com isso foi a mãe dele, Katherine.

Ela não gostou nada de ver o filho sair gastando por conta de uma ação que a família não venceu.

Segundo o site TMZ,  Jermaine foi em uma concessionária  de automóveis de luxo, na segunda-feira (30) para pegar uma Ferrari Califórnia 2009, que foi vendida por quase US$ 190 mil ( cerca de R$ 410 mil).

Fontes ligadas a Jermaine contaram ao TMZ que ele trocou seu Rolls Royce, que valia bem menos, pelo outro modelo de automóvel.

Tudo estaria muito bem se Katherine Jackson tivesse saído vitoriosa da ação contra a empresa AEG Live. Mas não foi o que aconteceu e a família continua passando por problemas financeiros.

Fonte: Surgiu Entretenimento

 

avataradrianaflower7

 

Família de Michael Jackson critica liberação do médico Conrad Murray

michel-400x277Agência ANSA

Washington – A família do ídolo pop norte-americano Michael Jackson está furiosa diante da saída da prisão de Conrad Murray, médico condenado em novembro de 2011 a quatro anos de prisão pela morte do cantor.

“Esta pessoa estará caminhando pelas ruas este mês, estará livre este mês”, exclamou Jermaine Jackson, irmão de Michael.

Murray, condenado por homicídio involuntário por ter dado a Michael Jackson uma dose letal do poderoso anestésico Propofol que o levou a morte em junho de 2009, será liberado da prisão em 28 de outubro próximo. A condenação de quatro anos foi reduzida a dois anos, devido a lotação carcerária. (Ansa Brasil)

 

Fonte:

avataradrianaflower7

Família de Michael Jackson perde caso contra a promotora AEG – Júri não responsabiliza AEG por morte do rei da Pop

A família de Michael Jackson perdeu em tribunal o caso em que exigia à promotora AEG mais de 1,6 mil milhões de dólares, por esta ter, alegadamente, causado a morte do rei da Pop

Recorde-se que o processo legal foi interposto por Katherine Jackson, mãe de Michael, que acusava a AEG de ter sido negligente, culpando-a por ter provocado a morte do seu filho ao prepará-lo para a sua digressão de regresso aos palcos, This Is It, cujos concertos iriam decorrer na Arena 02, em Londres.

Os advogados de acusação pretendiam que a empresa compensasse cada filho de Jackson em cerca de 85 milhões de dólares, e que abdicasse de cerca de 1,6 mil milhões a favor da família do intérprete de Thriller, por “perdas económicas”. Segundo eles, a AEG era a responsável por Jackson ter contratado o Dr Conrad Murray, considerado culpado de homicídio involuntário em 2011, após ter prescrito doses exageradas de Propofol a Michael Jackson – droga que não devia ser administrada fora das salas de operação.

Após o veredito, o advogado de defesa, Marvin Putnam, comentou: “A decisão do júri iliba completamente a AEG Live, confirmando o que já sabíamos desde o início – que, apesar da morte de Michael Jackson ter sido uma tragédia terrível, não foi uma tragédia originada pela AEG Live”.

Já da parte da família Jackson não foram ouvidas quaisquer declarações. “Eles não querem falar sobre isso”, revelou um representante.

Durante as alegações finais, o advogado da defesa da AEG disse que Jackson manteve o abuso do anestésico Propofol, que usava para combater a sua insónia crónica, em segredo dos produtores dos espetáculos, e que, se a AEG tivesse tido conhecimento de tal hábito, teria cancelado os concertos.

“A AEG nunca teria concordado em financiar esta digressão se soubesse que o Senhor Jackson estava a jogar à roleta russa no seu quarto, todas as noites”, revelou Putman, que adiantou ainda que a AEG tentou dissuadir Jackson de contratar o Doutor Conrad Murray, aconselhando-o a contratar um médico diferente, de Londres, mas que o rei da Pop “não aceitava um não como resposta”.

“Ele não pediu à AEG. Ele disse: ‘Vamos usar este médico’. Ele era um homem adulto, com 50 anos, e, como adulto, era responsável pela sua própria saúde e pelas suas próprias escolhas, independentemente de quão más essas escolhas pudessem ser. Era o seu dinheiro e, certamente, ele não ia aceitar um não como resposta”, continuou.

Putman também exibiu excertos do documentário “This Is It”, destacando o momento em que Jackson interpretava, “perfeitamente”, a Earth Song, antes de afirmar: “E, 12 horas mais tarde, estava morto. A AEG Live não tinha uma bola de cristal. O Dr. Murray e o Senhor Jackson enganaram toda a gente. Eles querem culpar a AEG por uma coisa que ninguém viu”.

Fonte:    Palco Principal

avatarAdrianaFlower7

‘Paris está fisicamente bem’, diz advogado da família Jackson

Adolescente foi internada nesta quarta-feira, 5, depois de uma tentativa de suicídio.

“Paris está fisicamente bem e está recebendo a atenção médica adequada”, disse Perry Sanders, advogado da família Jackson para o site “TMZ”. A adolescente foi levada ao hospital, nesta quarta-feira, 5, depois de uma tentativa de suicídio. Segundo o site “TMZ”, a filha de Michael Jackson deixou sua casa em Calabasas, na Califórnia, de maca às 2h e foi levada de ambulância para um hospital próximo nesta quarta-feira, 5.

 Sanders explicou ainda que é difícil ser uma menina de 15 anos, não importa quem você seja. Ele acrescentou que tudo fica mais complicado quando se perde um pessoa próxima.

Ainda segundo o site, a chamada para a emergência foi feita às 1h27 e reportava uma possível overdose. No entanto, Debbie Rowe, mãe de Paris, confirmou a tentativa de suicídio ao programa “Entertainment Tonight” e disse que ela está internada depois de ser admitida no hospital com vários cortes no pulso. Debbie disse ainda que Paris tem tido alguns problemas.

 Fontes do Entertainment Tonight próximas aos Jacksons revelaram que a tentativa de suicídio aconteceu depois que Paris não teve autorização para ir a um show do cantor Marilyn Manson em Los Angeles nesta quinta-feira, 6. Ela teria se trancado em seu quarto depois de bater a porta.

 O site “Radar Online” informa que Katherine Jackson, avó e guardiã legal de Paris, está no hospital com ela. Uma fonte da publicação disse ainda que os médicos acreditam na total Recuperação da menina. O advogado de Debbie divulgou um comunicado da família sobre a internação: “Agradecemos a preocupação de todos com Paris e pedimos respeito pela privacidade da família neste momento.”

Fonte:

Publicado por:

Paris Jackson é levada ao hospital por tentativa de suicídio

Debbie Rowe, mãe de Paris, confirmou a informação ao Entertainment Tonight.

Paris Jackson foi levada ao hospital depois de uma tentativa de suicídio. Segundo o site “TMZ”, a filha de Michael Jackson deixou sua casa em Calabasas, na Califórnia, de maca às 2h e foi levada de ambulância para um hospital próximo nesta quarta-feira, 5.

Ainda segundo o site, a chamada para a emergência foi feita às 1h27 e reportava uma possível overdose. No entanto, Debbie Rowe, mãe de Paris, confirmou a tentativa de suicídio ao programa “Entertainment Tonight” e disse que ela está internada depois de ser admitida no hospital com vários cortes no pulso. Debbie disse ainda que Paris tem tido alguns problemas.

Fontes do Entertainment Tonight próximas aos Jacksons revelaram que a tentativa de suicídio aconteceu depois que Paris não teve autorização para ir a um show do cantor Marilyn Manson em Los Angeles nesta quinta-feira, 6. Ela teria se trancado em seu quarto depois de bater a porta. Uma fonte do jornal “NY Daily News” negou a informação: “Ela é bem sociável e tem passado bastante tempo com a mãe e seus animais. Isso é mais do que uma adolescente fazendo malcriação.”

O site “Radar Online” informa que Katherine Jackson, avó e guardiã legal de Paris, está no hospital com ela. Uma fonte da publicação disse ainda que os médicos acreditam na total recuperação da menina. O advogado de Debbie divulgou um comunicado da família sobre a internação: “Agradecemos a preocupação de todos com Paris e pedimos respeito pela privacidade da família neste momento.”

Segundo a revista “Us Weekly”, Paris sofre de depressão: “Ela tem sérios problemas de depressão e muito por causa da morte do pai. É bem real e muito triste. Ela tem estado bastante deprimida e não consegue dormir à noite. Fica acordada a noite toda”, disse uma fonte da publicação.

Já o “TMZ” relata que esta não foi a primera vez que a menina tentou suicídio: “Ela tentou o mesmo no passado, mas desta vez foi bem mais sério. Não é um pedido de ajuda.” O site também mostrou imagens de Paris com machucados no pulso.

Na terça-feira, 4, ela postou mensagens enigmáticas em seu Twitter: “Eu me pergunto por que as lágrimas são salgadas” e citou um trecho de “Yesterday”, música dos Beatles: “Ontem parecia que meus problemas estavam longe, agora parece que eles estão aqui para ficar.”

Ela aparece ensinando truques de maquiagem em um vídeo postado no YouTube no dia 31 de maio. Nas imagens, Paris zomba de si mesma algumas vezes: “Sim, eu tenho acne”, diz. Ela também comenta que tem um gosto “terrível” pela música. Em outro trecho, ela brinca com a aparência e diz para as pessoas “não se chocarem ao vê-la de cara lavada”.

Novo julgamento

No dia 29 de abril um novo julgamento sobre a morte de Michael Jackson teve início para decidir a culpa se a empresa AEG Live, responsável pelos shows do cantor, teve culpa em sua morte. O processo é movido por Katherine Jackson, que também representa os filhos do cantor na ação, e ela quer uma indenização de US$40 bilhões (cerca de R$80 bilhões).

Em 2001, Debbie abriu mão dos direitos de criar seus filhos, mas recentemente, Paris retomou a relação com a mãe. As duas foram fotografadas juntas em um haras na Califórnia e repetiram o passeio dias depois.

Fonte:

Postado por:

Joe Jackson, pai de Michael Jackson, sofre AVC

Pai do astro pop sentiu fraqueza na quarta-feira e foi internado

https://i0.wp.com/exame0.abrilm.com.br/assets/images/2012/11/74817/size_590_Joe_Jackson_pai_de_Michael_Jackson_deixa_tribunal_em_Los_Angeles.JPGLos Angeles – O pai de Michael Jackson, Joe Jackson, sofreu um acidente vascular cerebral (AVC), mas está bem e descansando em um hospital de Las Vegas, nos Estados Unidos, disse um amigo da família nesta quinta-feira.

“Ele está bem e diz que está se sentindo bem”, disse Brian Oxman, amigo da família, à Reuters.

Oxman, que foi advogado de Michael, disse que o patriarca de 83 anos começou a sentir fraqueza na quarta-feira enquanto caminhava em um parque perto de sua casa, sendo internado mais tarde.

Joe tem histórico de AVCs, disse Oxman.

“Ele estava falando bem”, acrescentou. “Parecia excelente para mim.” Joe administrou e ajudou a lançar a carreira de seus cinco filhos com o grupo The Jackson 5, no início dos anos 1960.

Fonte: EXAME.COM

 

avatarAdrianaFlower7